sábado, 12 de março de 2016

DOIS ANOS E UM MÊS COM O ÚNICO CAIXA QUEBRADO - ANTES TARDE DO QUE NUNCA

Há exatos dois anos e um mês estamos com o único caixa do Banco do Brasil quebrado. Na madrugada do dia 12/02/2014 uma quardilha explodiu um caixa eletronico que ficava na prefeitura municipal. Nada foi levado do banco, mas dos servidores sim. Sem o servico, inicio-se uma grande dificuldade para sacar vencimentos, pois a outra unica opção é nos correios. Nisto as pessoas recorrem a dacar seus vencimentos na cidade de Nova Olinda a 13 Km. Se não bastasse a população ficar sem o serviço, ainda ter que esperar por 25 meses sem o serviço essencial. Nessa semana ascendeu um luz. Um técnico esteve realizando a substituição do terminal e me garantiu que entrará em funcionamento em breve. Vária reclamações foram efetuadas a Ouvidoria do Banco e nada. Agora vamos cruzar os dedos para ver se esse serviço volta a normalidade. O funcionamento ficará no mesmo local, ou seja, na prefeitura. CONFIRA FOTOS DO TERMINAL NOVO.

IRREGULARIDADES EM 38 OBRAS NAS 7 CIDADES DO CARIRI - APONTA O RELATÓRIO PROTOCOLADO EM FORTALEZA PELA MARCHA CONTRA A CORRUPÇÃO, SETE DELAS EM ALTANEIRA.

12/03/2016 - Relatório aponta indícios de irregularidades em 38 obras no Cariri ­ Site Miséria De 85 obras públicas visitadas em seis cidades da Região do Cariri, no sul do Ceará, 38 apresentaram indícios de irregularidades. A situação envolve obras inacabadas, paradas ou abandonadas, suspeita de superfaturamento, serviços de baixa qualidade, entre outros.
Aqui em nossa Altaneira, a Marcha pouco chamou a atenção da população, mas realizou excelente fiscalização, graças ao apoio dado pelo Sinsema, ARCA e pouco voluntários. Todas as obras a partir do ano de 2010 para cá, foram visitadas, fotografadas e relatadas. Tais como calçamentos em várias ruas, quadras esportivas, escolas e estadio de futebol, além do acervo de prestação de contas do Executivo existente na Câmara Municipal. Tal ação em iguais modos foram realizadas nos outros municípios, a saber Antonia do Norte, Crato, Nova Olinda, Assaré e Juazeiro do Norte. Esse é o balanço após visitas realizadas por integrantes da Associação Cearense de Combate à Corrupção e à Impunidade, em parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil Ceará (OAB­CE), divulgado nesta sexta­ feira (11). O resultado integra o relatório da XV Marcha Contra a Corrupção e a Favor da Vida. As visitas foram realizadas entre os dias 10 e 25 de janeiro deste ano, nas cidades de Antonina do Norte, Assaré, Altaneira, Nova Olinda, Crato e Juazeiro do Norte. O conjunto dessas obras está orçado em R$ 47,6 milhões. "O que se está apurando é se houve falta de recursos ou má aplicação dos recursos", informou o presidente da Comissão de Controle Social e Gastos Públicos e conselheiro da OAB, Reginaldo Vilar. Os relatórios serão encaminhados para órgãos fiscalizadores, para que seja verificado se houve irregularidades. A ação teve com objetivo vistoriar obras que receberam recursos da União, Estados e do próprio município. "São obras que começaram e não terminaram, ou obra que não começou. Envolvem diversas áreas: saúde, cultura. Há casos de abandono da obra", disse o conselheiro. Vistorias Sete das 15 obras ficalizadas em Altaneira têm indícios de irregularidades. Em Antonina do Norte, das 10 visitadas, os técnicos acharam indícios em três. O mesmo ocorreu em Assaré, das 10, três apresentaram suspeitas de irregulares. No Crato e em Juazeiro do Norte, a situação é mais crítica: cada cidade teve visitadas 20 obras com recursos públicos, mas em nove obras de cada município foram identificados indícios. Por fim, em Nova Olinda foram visitadas 10 obras, e em duas foram apontados indicativos. O relatório vai ser encaminhado aos órgãos fiscalizadores ­ como o Ministério Público Estadual do Ceará (MPCE), Ministério Público Federal (MPF­CE) e Controladoria Geral da União (CGU) ­ a fim de que seja apurado se os recursos investidos nas obras foram usados de forma devida. Prefeituras O secretário de infraestrutura de Juazeiro do Norte, Rógeres Macêdo, informou que não tomou conhecimento das vistorias e não recebeu o relatório. Essa foi a mesma resposta do secretário de obras do Crato, Tácio Luís, que não quis comentar o assunto por não saber o teor dos trabalhos. http://www.miseria.com.br/?page=noticia&cod_not=165985 1/2 12/03/2016 Relatório aponta indícios de irregularidades em 38 obras no Cariri ­ Site Miséria O secretário de administração e finanças, Ariovaldo Soares Teles, afirmou que a administração não recebeu informações sobre irregularidades em obras desta gestão. "Todas as obras executadas ou em fase de execução no município são acompanhadas e fiscalizadas internamente pelo departamento de engenharia", defendeu. Ele acrescentou que as contas de 2013 e 2014 tramitam no Tribunal de Contas dos Municípios, "e até o momento não apontam também irregularidade". Fonte: G1 CE http://www.miseria.com.br/?page=noticia&cod_not=165985 2/2 CONFIRA FOTOS DA RECEPÇÃO DA MARCHA AQUI EM ALTANEIRA, E DOS TRABALHOS DE FISCALIZAÇAO DAS OBRAS,NOS DIAS 15 E 16 DE JANEIRO

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

15ª MARCHA NACIONAL À PÉ, CONTRA A CORRUPÇÃO PASSA POR ALTANEIRA - NUMA JORNADA DE ANTONINA A JUAZEIRO DO NORTE DE 10 A 25 DE JANEIRO DE 2015.

A II Marcha cearense e 15ª Marcha nacional passa dois dias desenvolvendo atividades de cidadania aqui no município. A Marcha saiu de Antonina do Norte nesta segunda 10/01, e pretende encerrar em Juazeiro do Norte em 25 de janeiro. Hoje pela manha saíram de Assaré chegando ao meio dia.
Uma calorosa recepção os receberam na entrada da cidade, com a presença de alguns vereadores, secretários municipais, além de representantes das associações comunitárias, liderados pela diretoria do Sindicato dos Servidores Municipais. Trata-se de vários movimentos sociais que desenvolvem ações de conscientização e combate a corrupção no País. As ações desenvolvem-se a traves de jornada a pé entre municípios, capacitações e formações de cidadãos interessados em aprender a consultar os portais de transparências e balancetes de contas públicas, visita a obras públicas já concluídas ou em andamento para certificar se os recursos foram ou estão sendo bem aplicados. Em cada município, é produzido um relatório contendo possíveis suspeitas ou indícios de irregularidades com os recursos públicos. Todo o relatório é produzido por equipe técnica capacitada no assunto e acompanhado de registros fotográficos, filmagem, xerox, etc. De cada localidade, gerará um desse relatório contendo pendências e será entregue no final da Marcha numa mega Audiência Pública em Juazeiro do Norte com a presença do Ministério Público, membros da OAB, TCU, CGU e membros de ONGs e outras organizações interessadas no combate a praga da corrupção. O Significado da Marcha em Altaneira - Temos que tirar o chapéu para um ato de cidadania realizado em nossa freguesia. Os organizadores vem se articulando com a sociedade civil desde novembro último, mas constatamos a maioria delas estão mau representadas, pois seus representantes pouco se envolveram. O SINSEMA, sindicato dos servidores municipais está fazendo um pouco de sua obrigação em dá apoio à Marcha, com uma visão dos efeitos da conscientização da mesma na população altaneirense. Uma ato único, contundentes e conscientizado de nosso povo. O interesse pelo controle social dos recursos públicos. Neste sábado, as equipes, dividem-se e realizam visitas a várias obras, e canteiros de obras, serão filmados, fotografados e constatados irregularidade ou desacordo com os registros expostos nos portais, serão incluído no relatório e levado a audiência pública no final da Marcha, para que os órgãos competentes se encarreguem da sequencia do trabalho. Na Câmara Municipal aconteceu uma Sessão especial para acolher os marchantes. O Dr Arimateia Dantas, usou a Tribuna da Casa e teceu elogios pela recepção da população e dos vereadores no dia de hoje. Expôs os objetivos da caminhada, as dificuldades físicas ou o sacrifício da deslocar-se a pé por longos trechos entre municípios. O movimento contabiliza mais de 3 mil quilômetros de marcha contra a corrupção em vários Estados do Brasil. A Controladoria Geral da União ministrou um minicurso pela manha para um grupo de jovens e distribuiu panfletos. Além das exposição no plenário para os vereadores, tiveram acesso a algumas pastas da contabilidade do municípios disposta na Casa. Além do conteúdo observado, preliminarmente constatou-se que a contabilidade de 2015, a prefeitura enviou apenas até o mês de Julho de 2015, fato observado como irregularidade a ser representada. Acredito que a importância das atividades dessa Marcha será observada a médio e longo prazo pela população. Caso seja verificada graves irregularidades ou desvios de recursos públicos nos últimos 6 anos serão apurados, visto a grande credibilidade e parceria desses movimentos engajados nessa luta. Fotografias de João Alves -

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

A PROFESSORA FAUSTA VENANCIO COMEMORA 100 ANOS

A saúde já debilitada, mas o prestígio junto aos amigos e ex alunos ainda está inabalável. D. Fausta recebeu neste dia 12/10 durante todo o dia muitas visitas de pessoas que a admira e estima. Pela personalidade que sempre conservou. São ex alunos, amigos de longas datas que a homenageia. A secretaria de cultura e o pároco Alberto organizaram um evento festivo com missa e homenagens em sua residencia nesta data onde a mesma comemora(12/10/2015) seu centenário. PARABENS D. FAUTA VENÂNCIO.
A primeira professora de Altaneira comemora hoje (12/10) 100 anos de vida. Fausta Venâncio David é natural de Santana do Cariri, mas fixou residência em Altaneira logo após a emancipação política do Município, foi a primeira professora contratada pelo Município e depois criou sua própria escola de apenas uma sala de aula, na sua residência que funcionou até o início da década de 1990. “Pessoa reconhecida por todos, como uma das primeiras educadoras, explicitamente tradicional. Ela não acredita que haja aprendizagem sem disciplina ou limite” escreveu a diretora da Escola Santa Tereza, professora Meirenildes Alencar para Ensaio Fotográfico: ALTANEIRA MEIO SÉCULO idealizado por Heloisa Bitu em comemoração aos 50 Anos de emancipação política do Município. No ano passado (2014) a professora Lucia Lucena e o professor José Evantuil visitaram a educadora e o fato foi registrado no Blog Mandibulla. “Nós que somos seus admiradores, não temos como retribuir seus relevantes trabalhos prestados a nossa comunidade. Nunca casou-se, mas manteve sempre uma relação estreita de prestação de trabalho a nossa gente. Hoje temos o raro prazer de encontrá-la ainda sorrindo” escreveu o professor José Evantuil. Esquecida pelo poder público local D. Fausta recebeu sua primeira homenagem como educadora por iniciativa médico Dr. Eluizo Tavares Magalhães por ocasião de seu aniversário de 80 anos. Em setembro de 2013 Alana Maria conversou de forma descontraída com D. Fausta, que dentre outros fatos que gostava de dançar e não gosta de ser chamada de Dona Fausta. “Fausta carrega história e tradição nas costas, por isso anda tão vagarosa e curvada pela casa, pela antiga sala de aula. Cansada, mas feliz. Está estampado em seu rosto, como um estandarte à mão, a felicidade e orgulho que carrega de ter feito o que fez pela cidade”, escreveu Alana Maria. O Governo Municipal através da Secretaria Municipal de Cultura, Esportes e Turismo montou uma exposição fotográfica em homenagem ao centenário de Fausta Venâncio, no Parque de Eventos do Município, mas infelizmente não encontramos informações sobre a referida homenagem. COLABORAÇÃO: BLOG DE ALTANEIRA - FOTOS: JOÃO ALVES)